Informagno | Gestão em TI

PLANEJAMENTO DE TI PARA 2021: O QUE É PRECISO SABER PARA MONTAR O SEU!

Segundo uma pesquisa do Gartner, TI está entre os dez principais setores que planejam realizar cortes no orçamento em 2021. De acordo com os 317 CFOs e líderes financeiros entrevistados, essa redução orçamentária se deve a COVID-19, que levou mais pessoas para o home office.

A transição para o trabalho em casa tem colocado uma pressão adicional no setor de TI, que precisa mudar o seu perfil estratégico para não colocar em risco a continuidade dos negócios.

Por conta disso, e para não expor as organizações aos novos riscos, tudo indica que as ações de TI serão direcionadas para o aumento da eficiência operacional no próximo ano. O que irá contribuir para reduzir custos, transformar processos e melhorar a experiência do consumidor.

A questão é, como o gerente de TI pode criar um bom planejamento de TI para 2021, se o cenário é de retenção? Bem, é o que você vai descobrir lendo este post!

REVISÃO ORÇAMENTÁRIA EM UM CENÁRIO DE RETENÇÃO

Uma vez que o cenário para o próximo ano é de retenção e maior cobrança por eficiência operacional, o gerente de TI precisa fazer uma revisão orçamentária para compreender onde estão alocados os gastos e onde existem oportunidades de melhorias.

Não sabe como fazer isso? Que tal começar dividindo o seu orçamento nas seguintes categorias: ativos, técnica, negócios e investimentos.

ATIVOS

A classe “ativo” é considerada a base para a construção das demais categorias. Compõe a maior fatia do seu orçamento, e o somatório deve ser igual ao valor total estimado para o projeto.

Aqui, você pode alocar o orçamento para mão de obra, hardware, software, serviços, instalações, entre outros.

TÉCNICA

A categoria “técnica” vai compor os gastos de TI em domínios técnicos. Ou seja, os custos que a sua empresa tem com storage (servidor dedicado ao armazenamento de dados em rede), service desk (central de serviços de atendimento integrado em TI) e data center (local onde são armazenados os sistemas computacionais), entre outros.

Essa divisão é importante para você analisar e comparar os gastos de modo a minimizar os custos por unidade.

NEGÓCIOS

A categoria “negócios” vai cobrir os mesmos custos operacionais que a classe técnica. Entretanto, aqui os valores devem ser apresentados com o máximo de clareza a fim de facilitar a compreensão dos executivos.

Você pode apresentar as informações de forma clara e objetiva, optando pela automação dos relatórios financeiros, automação de compras e automação do atendimento.

INVESTIMENTO

Na categoria “investimento”, você poderá optar por dois métodos de divisão: Run the Business x Change de Business ou Run, Grow and Transform.

O modelo Run the Business x Change de Business, categoriza as despesas operacionais acomodando os custos de suporte aos negócios e de capital, além dos custos de investimentos em novos recursos.

Run, Grow and Transform, por outro lado, categoriza as despesas por meio de uma abordagem mais simples sobre a administração dos seus investimentos de TI.

COMO ESTRUTURAR UM BOM PLANEJAMENTO DE TI PARA 2021

Agora que você já sabe que precisa fazer a revisão orçamentária e que para isso, o ideal é dividir o orçamento em categorias, deve estar pensando: “Como posso estruturar um bom planejamento de TI para 2021?”

Então, comece seguindo as dicas abaixo:

DICA 1: REVISE O SEU ORÇAMENTO

Quais oportunidades a COVID-19 trouxe para o setor de TI? Que transformações vieram com a pandemia e como a sua empresa está se comportando diante das mudanças? Quais projetos, que não estavam no seu planejamento, precisam ser incluídos?

Responder essas questões é uma dica importante para você estruturar o seu planejamento estratégico.

Essa etapa consiste em fazer uma revisão do orçamento com base nos valores já estabelecidos no seu pipeline. Mas, que devido às mudanças da pandemia, precisarão passar por uma nova rodada de priorização.

DICA 2: ESTUDE OS PROJETOS QUE ESTÃO NO PIPELINE

Assim que você tiver revisado o seu orçamento, é hora de avaliar quais projetos têm prioridade. Com um limite orçamentário mais enxuto, o ideal é priorizar apenas aqueles que precisam ser concluídos no próximo ano.

Se você não sabe quais projetos priorizar, categorize o seu pipeline por grau de criticidade. Ou seja, verifique qual é a disponibilidade de recursos tecnológicos para cada projeto, mão de obra necessária, qual é o risco operacional e os custos relacionados ao seu desenvolvimento.

Após levantar essas informações ficará mais fácil para você distinguir quais projetos tem maior relevância.

DICA 3: DEFINA O NOVO ORÇAMENTO

Já sabe quais projetos a sua empresa deseja priorizar? Então, é momento de definir um novo orçamento para os projetos. Mas, lembre-se, você precisa levar em consideração os seguintes quesitos:

  • Despesas de capital: referentes à execução do projeto;
  • Despesas operacionais: relacionadas a continuidade e manutenção após a entrega;
  • Gastos gerais da área de TI: custos operacionais ao longo dos anos.

A IMPORTÂNCIA DO SUPORTE DE TI NO PLANEJAMENTO PARA 2021

Uma área importante que precisa ser levada em conta durante o planejamento de TI 2021 é a de serviços de suporte de TI.

Por meio da Terceirização de TI você consegue profissionalizar a área, sem necessariamente fazer a contratação de profissionais. Ao adotar este tipo de serviço é possível ter acesso a benefícios como a estruturação do serviço de suporte aos colaboradores, redução de custos e problemas com contratações.   

Contar com serviços de suporte no orçamento é extremamente importante para tornar o departamento de TI da sua empresa uma área estratégica. Afinal, os profissionais que fazem o atendimento possuem conhecimento amplo sobre o assunto e sabem quais as medidas precisam ser tomadas para otimizar a verba e melhorar os recursos.     

A Informagno Gestão em TI é uma empresa de suporte de TI criada para ajudar os clientes a utilizarem a tecnologia a favor de seus negócios. Contribuímos para a resolução de problemas relacionados à Infraestrutura de TI, inclusive na formulação de planejamentos anuais. Viu só como criar um planejamento de TI para 2021, não precisa ser difícil?

Se você ficou curioso para saber mais sobre como os serviços de suporte de TI podem ajudar o seu negócio, clique e converse com um de nossos especialistas agora mesmo!